9 de ago de 2016

Cris Lopes vive francesa chique em AGS, filme inspirado na arte do premiado Grande Hotel Budapeste

Crédito Fotos: Kocian Art e Filme AGS

A atriz internacional Cris Lopes é protagonista do filme AGS juntamente com o ator e roteirista Euler Santi, que se baseou na obra francesa de Jacques Rigaut dos anos 20, para compor este roteiro. A atriz interpreta a personagem Madame Christie na comédia de humor negro AGS - Agence Générale du S... que funciona como uma agência de suícidio procurada por seus clientes para escolherem uma morte excêntrica."Madame Christie é uma francesinha que adora acessórios e deseja muito conforto e luxo até mesmo para sua morte. Como a obra é de 1920 e aborda o tema do suícidio, o roteiro do filme foi adaptado com um toque bem leve e divertido e piadas sobre os dias de hoje como o excesso de consumo", afirma Cris Lopes.


Cris Lopes marcou presença na pré-estréia do filme AGS com sessão lotada no cinema Ultravisão durante o Festival de Nacional de Cinema Festcine Poços de Caldas 2016, recebendo prêmio pela produção do filme juntamente com o Diretor Rodney Borges. O filme foi produzido pelas produtoras R30 Filmes e Alterea Filmes (Dir. Produção Bruno Benetti) e a atriz Cris Lopes realizou a Direção de Arte de AGS utilizando alguns objetos de cena franceses de sua coleção pessoal nos cenários do filme.

Cris esteve nos principais e grandes estúdios europeus nos últimos 5 anos (França, Inglaterra, Itália) e atua em outros idiomas em filmes, com seu mais recente longa-metragem internacional canadense FREER (estréia 2017 Canadá & USA) e seu próximo longa também canadense a ser rodado em 2017, atuando em inglês.
Página oficial Filme AGS - Trailer, Entrevistas e Making Of: www.facebook.com/filmeags